segunda-feira, 15 de março de 2021

Juntos pela Vida: Acicam e Santa Casa lançam campanha


A Associação Comercial e Industrial de Campo Mourão (Acicam) e o Hospital Santa Casa lançaram nesta segunda-feira (15) a Campanha Juntos pela Vida. O objetivo é conscientizar a população em geral no sentido de proteger vidas e também a economia.
   
Material de divulgação da campanha será veiculado nos órgãos de comunicação locais e em redes sociais com a finalidade de atingir o maior número possível de pessoas, independentemente de idade, classe social, grau de escolaridade, crença religiosa, etc. A intenção é reforçar o chamamento para que todos adotem os cuidados amplamente divulgados pelos órgãos de saúde no enfrentamento da pandemia de Covid-19. 
    
A meta da campanha com o apelo a conscientização é salvar vidas e também propiciar as condições para amenizar os reflexos nefastos da pandemia na economia, com o fechamento de muitas empresas e o crescimento acentuado do desemprego. Na avaliação das duas entidades que lideram a campanha, a efetiva adesão da população as medidas de prevenção orientadas pelos órgãos de saúde (sobretudo com o fim de festas clandestinas e outros atos de irresponsabilidade) resultariam na queda do número de casos da doença. Consequentemente, no fim da atual sobrecarga no sistema hospitalar e na redução das vítimas fatais.

A campanha tem o apoio do Sindicato Empresarial do Comércio (Sindicam), do Conselho de Desenvolvimento Econômico (Codecam), da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e da Polícia Militar. “O propósito é orientar e conscientizar a população e a sociedade sobre a importância dos cuidados com a higiene, com o distanciamento para que bons resultados sejam alcançados no combate a pandemia”, explica o presidente da Acicam, Ben-Hur Berbet. 
   
O líder empresarial ressalta que viagens em feriados devem ser evitadas pelas pessoas. Também alerta que as pessoas não devem promover ou participar de aglomerações “onde os riscos de contagio são maiores”, alerta.
   
Ben-Hur acrescenta que todos podem participar e contribuir: “Primeiro, adotando todos os cuidados recomendados. As pessoas devem cuidar de si e do próximo. Também denunciando aglomerações. Não se expondo a situações de risco é outra forma de participar”.
   
Ao finalizar, o presidente da Acicam destaca que a principal preocupação da entidade neste momento é com a preservação de vidas. Estamos, quem sabe, no pior momento da pandemia e precisamos ser vigilantes, mas do que nunca. Pedimos que todos tenham o máximo de cuidado”, finaliza. (Da Redação)


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário