quarta-feira, 3 de fevereiro de 2021

Procon-CM notifica Copel no que diz respeito à cobrança de juros e multas pelo sistema fora do ar


O Procon de Campo Mourão recebeu reclamações dando conta que mercados, farmácias, algumas lotéricas e outros estabelecimentos não estão recebendo os pagamentos das faturas de energia elétrica da Copel. O órgão investigou e chegou à conclusão que as denuncias são verdadeiras e que o não recebimento se deve ao fato de que o sistema de tecnologia da informação da Copel está indisponível, fora do ar, há vários dias.

Na manhã desta quarta-feira (3), o secretário executivo do Procon-CM, Sidnei Jardim, notificou a Copel para que ao voltar o sistema, não sejam cobrados juros e multas dos consumidores. Em contato com os mercados e farmácias, a informação prestada é de que o sistema é da Copel e para não ser cobrados estes juros e multas depende da companhia de energia. Na notificação, também a Copel foi orientada para que nesse período seja suspenso o serviço de corte de energia elétrica por falta de pagamento, pois o consumidor não está conseguindo pagar (por conta do sistema fora do ar).

“O objetivo, com esta notificação para a Copel, é no sentido de defender e proteger o consumidor, pois ele não tem culpa que o sistema da Copel está fora do ar e não deve pagar ou ser responsabilizado por isso. Esperamos que a empresa cumpra nossa notificação, pois, caso contrário, tomaremos as medidas cabíveis em defesa e proteção ao consumidor”, informa Jardim. (Da Redação)


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário