quinta-feira, 12 de novembro de 2020

Município repassa mais R$ 2,5 milhões à Santa Casa para o combate a Covid-19


A Secretaria Municipal de Saúde repassou na semana passada mais R$ 2,5 milhões à Santa Casa para o tratamento de pacientes de Covid-19, totalizando até agora R$ 8,2 milhões destinados ao hospital. Os recursos para o enfrentamento da doença repassados pelos governos federal e estadual são gerenciados pelo Município.

A solicitação dos recursos foi feita pela diretoria do hospital, principalmente para o pagamento de plantões médicos. “O pedido era para liberação em parcelas, mas como o dinheiro está em caixa optamos por repassar o valor total de uma só vez”, explicou o secretário municipal de Saúde, Sérgio Henrique dos Santos.

O Município recebeu até agora R$ 23,5 milhões do governo federal e R$ 2,2 milhões do governo do Estado especificamente para enfrentamento do coronavírus. Além da Santa Casa, foram repassados R$ 820,7 mil para o SISNOR (Center Clínicas) e R$ 8,2 mil para o Instituto do Rim, o que totaliza R$ 9,1 milhões às três instituições.

Conforme prestação de contas publicada no portal da transparência, também foram utilizados R$ 6 milhões com despesas que incluem pagamento de funcionários (R$ 2,9 milhões), serviços médicos UPA (R$ 2,4 milhões), material de consumo, que inclui EPIs (R$ 544,5 mil), lavanderia UPA (R$ 49,2 mil), higienização veículos (R$ 7,4 mil), mão de obra central oxigênio UPA (R$ 1,1 mil), fornecimento alimentação UPA (R$ 24,6 mil), estande UPA (R$ 26,6 mil) e EPIs para escolas (R$ 44,9 mil). 

Dos recursos recebidos, ainda estão disponíveis R$ 10,5 milhões. “Desde o início da pandemia temos utilizado os recursos recebidos da melhor forma, com a máxima transparência, trabalhando junto especialmente com a Santa Casa no enfrentamento dessa doença que, infelizmente, ainda não sabemos até quando”, observou o secretário. (Da Redação)


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário