segunda-feira, 1 de junho de 2020

Prefeitura vai notificar servidores citados por recebimento indevido de auxílio


Da Redação

O município de Campo Mourão recebeu a Nota Técnica nº 01/2020-CGU/TCE-PR, emitido em conjunto pela Controladoria Geral da União (CGU) e Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE/PR), após o cruzamento de informações de pagamentos de auxílio emergencial e dados dos servidores e agentes públicos municipais do Estado do Paraná, revelando possíveis irregularidades na concessão do benefício a servidores municipais.

Ao tomar conhecimento da notícia acerca de eventual recebimento indevido do auxílio emergencial por parte de servidores municipais, a prefeitura de Campo Mourão decidiu notificá-los, individualmente, para que efetuem a devolução do valor. “Os casos serão analisados com a devida responsabilidade e, de antemão, esta administração repudia qualquer apropriação indevida de recursos ou bens públicos”, disse o prefeito Tauillo Tezelli.

Ele lembra que antes de pré-julgamentos é necessário verificar se todos os servidores que tiveram os nomes divulgados na lista emitida pelo TCE/PR tiveram ciência do recebimento, pois não se sabe se os beneficiários usaram de má-fé para obtenção do auxílio emergencial ou se foram vítimas de fraudes praticadas por outras pessoas. “Às vezes podem ocorrer equívocos em divulgações como essa e não queremos cometer nenhuma injustiça”, acrescenta o prefeito.

A devolução de valores eventualmente recebidos de forma indevida deverá ser efetuada pelo próprio servidor ou agente público, por meio do canal disponibilizado pelo Ministério da Cidadania, acessível no endereço eletrônico:

https://devolucaoauxilioemergencial.cidadania.gov.br/devolucao


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário