terça-feira, 17 de abril de 2018

Livro de poesia volta para o escritor depois do falecimento de Darcy Deitos

Elói Carlos
Da Editoria


O deputado federal constituinte Darcy Deitos e o poeta e escritor Antonio José tiveram uma relação de grande amizade, em meio a uma história no mínimo curiosa. Desde pequeno, quando tinha apenas dez anos, em 1976, quando Deitos foi candidato a prefeito de Campo Mourão esta história começou. Durante a campanha eleitoral daquele ano, o pai do poeta, era Arena e pedia votos para Augustinho Vecchi enquanto seu filho, um menino, fazia campanha para Darcy Deitos.

Depois de adulto, essa história foi contada para o deputado, que além de se emocionar, fez com que se tornassem grandes amigos. “Disse para o Darcy que desde criança o admirava enquanto homem público e que fui contra até meu pai – na política – para defendê-lo”, explica Antonio José. “lembro-me que ele ficou bastante sensibilizado e conhecendo a pessoa e não somente o político, minha admiração por ele cresceu ainda mais”, relata.

Além do acompanhamento do trabalho do Jornal O Liberal, Darcy Deitos também sempre incentivou o poeta Antonio José, que tem três obras publicadas. A família do deputado, falecido em 2013, infelizmente, distribuiu o acervo de livros de Deitos para alguns amigos, um deles, o jornalista Silvio Cézar Walter, o Silvinho, que de posse do exemplar autografado do livro ‘Mais uma vez a poesia!’, o repassou para o Antonio José.

“Vou guardar este exemplar como uma relíquia preciosa e cada vez que eu ler a dedicatória que fiz ao Darcy, vou lembrar que nesta vida o que sobra são momentos como este, quando escrevi lá em 2002, para ele: Obrigado por sempre incentivar meus projetos, provando que a amizade verdadeira é tudo na vida”, emociona-se o poeta.

Darcy Deitos nos deixou cedo aos 69 anos, porém, deixou um legado de decência na vida pública, que faz o menino que se tornou poeta saber que sua escolha naquela eleição foi a correta.


Nenhum comentário:

Postar um comentário