sexta-feira, 2 de março de 2018

Representantes de Goioerê e região apresentam demandas para a Secretaria de Segurança do Paraná

Douglas Fabrício acompanhou prefeitos e vereadores e expôs preocupação com a violência

Da Redação 

Lideranças políticas de Goioerê e municípios da região participaram de uma audiência na quarta-feira (28/2), em Curitiba, com o Secretário de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária, Julio Cezar dos Reis. Eles estavam acompanhados do deputado estadual Douglas Fabrício, atual secretário do Esporte e Turismo do Paraná, e também do deputado estadual, Luiz Claudio Romanelli. O grupo foi formado pelos prefeitos Pedro Coelho (Goioerê), Rafael Bolacha (Moreira Sales), Suely Pereira (Rancho Alegre D'Oeste) e Nilson Cardoso (Mariluz), além de representantes de Quarto Centenário, vereadores e demais lideranças.

“Acompanhamos o prefeito Pedro Coelho e os demais nesta importante audiência com o secretário de Segurança para expor todas as demandas destes municípios. A quantidade das lideranças políticas presente aqui demonstra a urgência do pleito e a preocupação da sociedade”, afirmou Douglas Fabrício.

O prefeito de Goioerê, Pedro Coelho, argumentou que o apoio na segurança é indispensável. Ele citou casos de constantes roubos no município e na região. “Viemos à Secretaria de Segurança do Estado com o apoio do deputado Douglas Fabrício e acompanhados de prefeitos e vereadores para solicitar viaturas, policiais, armamento e operações. Precisamos reagir contra o alto índice de criminalidade, principalmente roubo”, disse o prefeito.

Os prefeitos da região assinaram um documento para oficializar pedido de duas viaturas para Polícia Militar, duas para a Polícia Civil e duas para a polícia de inteligência da PM, totalizando seis veículos. As lideranças também solicitaram delegados, câmeras digitais, detector de metais e armas.

O secretário Julio Cezar dos Reis, afirmou que haverá um grande esforço para atender aos pedidos da região. “Hoje recebemos muitas lideranças, preocupadas com a violência, que infelizmente atinge o país todo. Anotamos todas as demandas. Vamos implantar em diversas delegacias o inquérito digital onde as oitivas serão por áudio e vídeo, para otimizar o trabalho com a tecnologia. Também reconhecemos a necessidade de instalação de câmeras, fornecimento de viaturas e vemos com bons olhos o uso de detector de metais, que inibe o crime. A sala cheia aqui é sinal de preocupação com o tema”, disse o secretário Julio Cezar.


Nenhum comentário:

Postar um comentário