terça-feira, 20 de março de 2018

Cai infestação do mosquito Aedes Aegypti em Campo Mourão, mas índice continua alto

Da Redação

A média de infestação do mosquito Aedes aegypti em Campo Mourão caiu de 8,86 por cento (constatado no levantamento de janeiro) para 6,25 por cento na verificação de março, concluído na sexta-feira (16). Apesar da queda, a infestação ainda é considerada de alto risco, já que o índice aceito como ideal pelo Ministério da Saúde é abaixo de um por cento. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (20), pelo Comitê Gestor.

“Mesmo sem nenhum caso positivo registrado, esse índice de infestação indica que o risco é muito grande, pois se houver um caso poderá desencadear uma epidemia. É muito importante a colaboração da população, assim como o trabalho de campo para eliminar potenciais criadouros”, comenta o chefe do Comitê Gestor da Dengue, Carlos Bezerra.

Das 35 localidades averiguadas, 20 apresentaram alto índice, 11 médio e em quatro baixa incidência. Os maiores índices foram constatados no Jardim Nossa Senhora Aparecida/Silvana (17,14%), Santa Cruz/José Richa/Modelo (13,64%), Santa Nilce/Conrado (13,46%) e Alvorada/Bandeirantes/Primavera (13,21). Em quatro localidades o índice foi zero: Araucária/Botânico, Milton de Paula Walter, Flórida/Gutierrez/Vila Teixeira e Flora, Centro e Xangrila.

Neste levantamento foram vistoriados 1.729 imóveis, dos quais 108 com presença de larvas do mosquito Aedes aegypti. Assim como no LIRA anterior predomina o aparecimento de criadouros nos tambores, baldes, lonas plásticas e piscinas, com 34 por cento. Em segundo lugar (31 por cento) apareceram os recicláveis (acumulados em residências) e sucatas, seguidos de vasos sanitários, pratos de plantas e bebedouros de animais (18 por cento). 

“Como sempre a maioria dos focos foi encontrada nas residências e em terrenos baldios”, disse Bezerra, ao acrescentar que a Secretaria Municipal de Saúde mantém as ações de combate. No próximo sábado (24) serão realizadas novas ações de hora H e caminhadas ecológicas, com apoio de voluntários. Os locais serão divulgados até quinta-feira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário