segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Síntese

O Livro do Boni que meu amor me deu

Antonio José

Apesar ser escritor, em meus órgãos de imprensa, aqui e no jornal O Liberal de Campo Mourão impresso, nas poesias e para facção dos meus livros (tenho três editados e um no prelo) e nas histórias infantis que uma editora quer publicá-las, não é o hábito primordial que tenho. Sou muito mais leitor do que escritor, faço valer em minha vida aquela máxima de que somente um grande leitor pode se tornar em um bom escritor.


Já faz algum tempo que tenho me dedicado a ler livros biográficos – autorizados pelo autor, evidente – e tenho me fascinado com as histórias de superação e derrota, sucesso e fracasso, riqueza e pobreza, enfim, mas, histórias verídicas e que nos ensinam muito. Tenho diversos livros nesta área, alguns que eu mesmo comprei e vários que minha esposa Lilian – amada, querida – me presenteou.

O mais recente presente que ganhei do meu amor, foi O Livro do Boni, isso mesmo, esse é o título: O Livro do Boni. Fantástico, estupendo, maravilhoso, escrito por ele mesmo e com narrativa em primeira pessoa. Nele é contada toda a história da TV Globo, que a partir do trabalho, dedicação e grande inspiração do José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, a transformou na potência que é hoje. O mundo dos negócios é assim, se o Dr. Roberto Marinho não visse naquele jovem, o Boni, toda a capacidade que ele percebeu lá em 1967, quando o contratou e lhe deu carta branca, a Rede Globo jamais seria o que é hoje. Recomendo a leitura!

É Permitido Sonhar...! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário